Početna – ThaiConsulate

Tips, Reviews, Recommendations

Quanto Tempo De ContribuiO Para Aposentar?

Quanto Tempo De ContribuiO Para Aposentar

Qual é o tempo mínimo de contribuição para se aposentar?

Fórmula 86/96 – A Fórmula 86/96 é uma alternativa ao Fator Previdenciário. Soma-se, em anos, a idade ao tempo de contribuição do segurado. Se homem, é preciso ter no mínimo 96 de soma; se mulher, é preciso ter no mínimo 86 de soma. O homem ainda precisa ter no mínimo 35 anos de contribuição e a mulher no mínimo 30 anos de contribuição.

  • Homem
    • Mínimo de 35 anos de contribuição
    • Soma do tempo de contribuição + idade deve resultar em 96
    • Não há idade mínima
    • Mínimo de 180 meses de carência
  • Mulher
    • Mínimo de 30 anos de contribuição
    • Soma do tempo de contribuição + idade deve resultar em 86
    • Não há idade mínima
    • Mínimo de 180 meses de carência

A Fórmula 86/96 não usa o Fator Previdenciário. Portanto, se o Fator Previdenciário for menor que 1 e o segurado soma 86 ou 96 a depender do seu gênero, poderá optar pela Fórmula 86/96. Caso o Fator Previdenciário seja superior a 1, é melhor optar pelo Fator.

Quem tem tempo de contribuição e não tem idade mínima?

A reforma da previdência acabou com a aposentadoria por tempo de contribuição? – Provavelmente, você já deve ter ouvido falar que a reforma da previdência acabou com a aposentadoria por tempo de contribuição! A boa notícia é que esta informação não é 100% verdadeira.

  • Realmente, a reforma acabou com a forma antiga de se aposentar por tempo de contribuição.
  • Ou seja, sem idade mínima e sem nenhum outro requisito adicional.
  • Entretanto, aquelas pessoas que começaram a contribuir antes da reforma (13/11/2019) ainda podem se aposentar por tempo de contribuição com base nas chamadas regras de transição,

Algumas dessas regras de transição não exigem nem mesmo idade mínima! Outras até exigem idade mínima, mas esta idade é reduzida em comparação à aposentadoria por idade, Além disso, se você tiver completado os requisitos para se aposentar por tempo de contribuição antes da reforma da previdência, ainda pode se aposentar com base nas regras antigas, ainda que não tenha dado entrada na sua aposentadoria.

Neste caso, o fundamento para o seu direito é o direito adquirido, E, ao contrário do que você pode imaginar, esta situação é muito comum. Como há vários direitos previdenciários escondidos, muitos contribuintes pensam que ainda não alcançaram os requisitos para determinada aposentadoria, mas já alcançaram.

Normalmente, isto acontece porque nem todos os trabalhadores sabem a forma correta de contar o tempo de contribuição. Em caso de dúvida sobre ambas as situações (melhor regra de transição ou direito adquirido), um advogado especialista pode ajudar com uma consulta ou planejamento previdenciário, Quanto Tempo De ContribuiO Para Aposentar

Como aposentar com 5.000 reais?

Como ganhar R$ 5.000 por mês com novo título do governo para aposentadoria Quer receber matérias como essa toda semana no seu e-mail? Assine a, ainda tem direito a receber outros 10 boletins exclusivos. O tem uma nova opção de investimento específica para aposentadoria, que garante renda por 20 anos.

O título Tesouro RendA+ Aposentadoria Extra, com o código NTN-B1, paga uma renda mensal 240 meses depois da data de vencimento do título. Há vários títulos, com diferentes datas para início do pagamento. O vencimento com o prazo mais curto é o Renda+ 2030. Para receber R$ 5.000 por mês com esse título, daqui a sete anos, é necessário investir mais de R$ 9.000 todos os meses.

Quem pensa em se aposentar em 30 anos, porém, o investimento mensal necessário é bem menor. Veja abaixo três simulações.

Quem ganha 3.000 se aposenta com quanto?

Caso a média salarial seja de R$ 3.000, por exemplo, o valor a ser pago de aposentadoria para mulheres com 30 anos de INSS e homens com 35 anos de pagamento à Previdência será de R$ 2.700.

Quem ganha 10 mil se aposenta com quanto?

20, 30, 40 ou 50 anos? Saiba como economizar para a aposentadoria Quando o assunto é como economizar dinheiro para a sem depender do INSS, não há mistério: quanto mais cedo você começar, melhor. Em outras palavras, quanto mais tempo faltar para você se aposentar, menos dinheiro vai precisar juntar mensalmente.

  • Nesse sentido, caso você comece a se planejar com 30 anos, precisará investir menos dinheiro por mês até o dia em que decidir parar de trabalhar.
  • Por outro lado, se você começar com 50 anos, o valor mensal a ser investido será mais alto.
  • Quanto mais cedo você no seu futuro, menor será o esforço, mas nunca é tarde para planejar a melhor forma de investimento em busca de uma aposentadoria segura, tranquila e com qualidade de vida.

A seguir, confira dicas para começar a guardar dinheiro em 2023 tendo a aposentadoria como seu principal norte. Você tem 50 anos e só agora decidiu economizar para a aposentadoria para complementar a renda do INSS? Pois esteja preparado para fazer algumas concessões.

  • O que isso significa na prática? Você terá que fazer um esforço maior para poupar o máximo que conseguir – e isso tem a ver com redefinir metas e cortar gastos.
  • Além disso, será necessário ter muito critério na escolha de onde investir o seu dinheiro.
  • Considerando a idade, é necessário ter em mente que a possibilidade de repor uma perda é menor para as pessoas mais velhas.

Desenvolvida por Martin Iglesias, especialista em investimentos do Itaú Unibanco, a regra 1-3-6-9 é uma estratégia de pessoal voltada à ou complementar. Basicamente, ela indica como economizar dinheiro em faixas de idade estratégicas. O objetivo aqui não é determinar valores fixos, mas proporções específicas da renda.

35 anos – 1 ano do seu salário 45 anos – 3 anos do seu salário 55 anos – 6 anos do seus salário 65 anos – 9 anos do seu salário

Por exemplo: aos 35 anos, você precisa ter uma reserva financeira equivalente a um ano da sua renda mensal para alcançar segurança no seu futuro. Uma pessoa com essa idade e que recebe um salário de R$ 10 mil deve ter, então, ao menos R$ 120 mil reservados para viver bem ao se aposentar.

Entre 25 e 39 anos – Sua idade menos 15 Entre 40 e 49 anos – Sua idade menos 10 Acima de 50 anos – Sua idade

See also:  Quem Ganha Mais De Um SalRio MíNimo Vai Ter Aumento Em 2023?

No caso de uma pessoa de 30 anos, será necessário poupar 30-15, ou seja, 15% do rendimento líquido mensal. Portanto, se ela ganha um salário de R$ 10 mil, o total a ser economizado para a aposentadoria a cada mês é de R$ 1.500. Já no caso de alguém com 45 anos, a conta é 45-10=35%.

  1. Com um salário de R$10 mil, ela deverá poupar mensalmente R$ 3.500.
  2. Na hora de definir quanto você vai precisar para se aposentar, tenha em mente que, de modo geral, o custo de vida de um aposentado equivale a 70% do custo de vida de alguém ativo no mercado de trabalho.
  3. Isso porque diversas despesas deixam de existir.

Um profissional que hoje dispõe, mensalmente, de uma renda de R$ 10 mil, não sentirá de forma tão significativa a queda desses números para uma aposentadoria de R$ 7 mil, por exemplo. Há várias formas de investir o seu dinheiro para a aposentadoria. A indicação de qual escolher vai variar de acordo com o perfil de investidor.

Fundos de renda fixa Títulos públicos do Tesouro Direto CDBs

É o perfil de quem quer ter segurança, mas está disposto a correr algum risco para conseguir rendimentos melhores. Ou seja, você deve montar uma carteira que misture investimentos mais conservadores e outros mais arrojados. Exemplos de investimentos:

Fundos multimercado Fundos imobiliários Debêntures

As pessoas com perfil arrojado precisam ter resiliência para lidar com as possíveis perdas. Por outro lado, os ganhos podem ser muito mais altos. Exemplos de investimentos:

Fundos de ações Ações Fundos imobiliários BDRs

: 20, 30, 40 ou 50 anos? Saiba como economizar para a aposentadoria

É melhor se aposentar por tempo de contribuição ou por idade?

Qual a melhor opção: aposentadoria por idade ou por tempo de contribuição?

Qual a melhor opção: aposentadoria por idade ou por tempo de contribuição? Para escolher a melhor alternativa, primeiro é necessário entender as regras do INSS para aposentadoria. Aposentadoria por Idade Possui direito a aposentadoria por idade homens a partir de 65 anos e mulheres a partir dos 60.

A legislação determina o mínimo de 180 contribuições mensais para a concessão do benefício e a idade exigida. No caso dos segurados inscritos na Previdência até 25 de julho de 1991, deve-se obedecer à tabela progressiva, levando-se em conta o ano em que o segurado completar a idade mínima para requisição de benefício.

Veja a tabela, Para calcular o valor da aposentadoria, aplica-se a média dos 80% maiores salários de contribuição desde julho de 1994 até a data de entrada do pedido. Em seguida, aplica-se a porcentagem correspondente a 70% da média, acrescentando 1% da média para cada grupo de 12 contribuições mensais, até no máximo 100% do salário de benefício.

É assegurada a opção pela aplicação ou não do fator previdenciário, considerando o que for mais vantajoso para o contribuinte. O fator previdenciário será calculado considerando a idade, a expectativa de sobrevida e o tempo de contribuição do segurado ao se aposentar.

  • Consulte mais informações,
  • Aposentadoria por Tempo de Contribuição Tem direito a aposentadoria por tempo de contribuição homens que completarem 35 anos de contribuição, e mulheres, 30 anos.
  • Para calcular o valor do benefício, aplica-se a média dos 80% maiores salários de contribuição desde julho de 1994 até a data de entrada do requerimento, aplicando o fator previdenciário.

Veja a fórmula do fator previdenciário, Portanto, qual é mais vantajosa? Geralmente, a aposentadoria por idade é mais vantajosa devido a não aplicação do fator previdenciário. Além disso, a aposentadoria por tempo de contribuição torna-se menos favorável devido ao aumento da expectativa de vida do brasileiro.

É possível se aposentar com menos de 15 anos de contribuição?

Sim, é possível se aposentar com menos de 15 anos de contribuição. Eu mesma já vi casos de uma cliente que se aposentou com 11 anos de contribuição. Essa exceção é a regra de transição da carência reduzida.

Como faço para saber se já posso me aposentar?

As mulheres a partir de 62 anos, com 15 anos de contribuição e os homens a partir de 65 anos, que contam 20 anos de pagamentos, têm direito de se aposentar. As formas mais comuns do segurado recolher suas contribuições ou pagamentos previdenciários para o INSS são como segurado obrigatório ou facultativo.

Como se aposentar com 20 mil reais por mês?

Qual o seu valor de aposentadoria – Mas afinal, quanto preciso ter investido para garantir uma aposentadoria de R$ 20 mil? O tamanho deste patrimônio vai depender, entre outras variáveis, do prazo para o seu objetivo e do retorno real de seus investimentos.

Multiplicar o seu custo de vida mensal por 12 para saber o custo de vida anual; Então, dividir esse valor pela taxa de juros real da sua aplicação.

O resultado corresponderá ao montante que deverá ter investido. Assim, uma pessoa que possui um custo de vida mensal de R$ 20 mil, terá um custo anual de R$ 240 mil. Considerando uma taxa de juros real de 6% ao ano, será necessário ter acumulado R$ 4 milhões para receber R$ 20 mil todo mês dos juros que os investimentos oferecem.

Note que, em qualquer cálculo, deve ser considerada a taxa de juros real da aplicação, ou seja, aquela descontada a inflação do período. Afinal, se um investimento rende 10% ao ano e a inflação é de 4% ao ano, o investidor só poderá contar com a diferença de 6% para manter seu poder de compra. É importante reforçar que esse é um cálculo médio, que mostra somente uma ideia de quanto é preciso investir para alcançar seu objetivo de viver de renda, já que outros fatores podem influenciar seu retorno.

→ Quer Viver de Renda? Veja a Melhor Ação de Dividendos Hoje,

Quanto preciso juntar para ter R$ 10 mil por mês e torrar na aposentadoria?

Fundos imobiliários: R$ 1,5 milhão – Atualmente, diversos fundos imobiliários têm pagado 8% ao ano ou mais aos investidores. Para receber uma renda de R$ 10 mil por mês com esses papéis, seria preciso ter um total de R$ 1,5 milhão. Um fundo imobiliário é um ativo que representa um ou vários imóveis.

Ao comprar uma cota, você se torna um dos donos dessas propriedades e passa a receber o aluguel pago por seus inquilinos. Essa rentabilidade se refere aos fundos de tijolo, ou seja, aqueles que possuem imóveis físicos no seu portfólio.Existe também outro tipo de fundo imobiliário, chamado de “fundo de papel”, que não possuem imóveis físicos, e sim contratos de recebíveis imobiliários.

Esse tipo costuma pagar rendimentos maiores, mas são mais arriscados.

See also:  Quanto Ganha Um Pedreiro?

Quanto eu preciso investir para ter uma renda mensal de 10 mil?

Aprenda a Investir, Bolsa de Valores

Atualizado: 01/09/2023 17 min de leitura

Para ganhar uma renda mensal de R$ 1 mil, R$ 5 mil ou R$ 10 mil com proventos dos investimentos, é preciso investir R$ 120 mil, R$ 1,2 milhão ou R$ 2,4 milhões, respectivamente, considerando que sua carteira gere um dividend yield (retorno em proventos e juros) de 5% ao ano, por exemplo.

Quem aposenta com 100%?

O tempo mínimo de contribuição exigido pela regra do pedágio de 100% é o mesmo exigido para a aposentadoria por tempo de contribuição antes da reforma da previdência: 35 anos de contribuição para homens; e.30 anos de contribuição para mulheres.

Quanto devo pagar de INSS para receber 2 salários 2023?

Como funciona o desconto do INSS em 2023? – As alíquotas são de 7,5% para aqueles que ganham até R$ 1.320,00; de 9% para quem ganha entre R$ 1.320,01 até R$ 2.571,29; de 12% para os que ganham entre R$ 2.571,30 até R$ 3.856,94; e de 14% para quem ganha de R$ 3.856,95 até R$ 7.507,29. Quanto Tempo De ContribuiO Para Aposentar

Quanto tenho que pagar de INSS para receber 2 salários?

Quanto devo pagar ao INSS?

Salário de contribuição: Alíquota para fins de recolhimento do INSS
até R$ 1.302,00 7,5%
de R$ 1.302,01 até R$ 2.571,29 9%
de R$ 2.571,30 até R$ 3.856,94 12%
de R$ 3.856,95 até R$ 7,507,49 14%

Quanto rende 300 reais por mês durante 30 anos?

Veja que nesse período de 30 anos. você investiu 108.000reais, porém. se você tivesse colocado esse dinheiro na poupança, ele teria rendido aproximadamente 193.000reais.

Qual é o melhor investimento para se aposentar com R$ 5.000 por mês hoje?

Risco baixo: R$ 1.500 por mês em 35 anos – Se você quiser investir correndo o menor risco possível, uma opção altamente indicada é um título do Tesouro Direto chamado Tesouro IPCA. Atualmente, seria necessário ter cerca de R$ 1,4 milhão nesse título para receber um total de R$ 60 mil por ano, ou seja, uma média de R$ 5.000 por mês.

  1. Para se aposentar daqui a 35 anos ganhando o equivalente R$ 5.000 mensais, seria preciso investir, nesse título do Tesouro, em torno de R$ 1.500 por mês, considerando a rentabilidade atual dessa aplicação e estimando uma inflação média de 4,5% ao ano ao longo de todo o período.
  2. Quando eu digo “equivalente a R$ 5.000 por mês”, estou dizendo que você não receberá esse valor, e sim um valor bem maior, mas que, por causa da inflação, teria um poder de compra equivalente ao de R$ 5.000 hoje.

Veja, portanto, que a ideia de viver de renda investindo só em aplicações de baixo risco acaba sendo inviável para a maior parte da população. Quem é que pode investir R$ 1.500 por mês desde o início da carreira? Além disso, para o seu patrimônio não perder poder de compra ao longo dos anos, o valor dos aportes teria que ser reajustado pela inflação todo ano.

  • Por exemplo, se após um ano de investimentos a inflação for de 10%, a partir do 13º mês o valor dos aportes deveria passar a R$ 1.650 (ou seja, os R$ 1.500 iniciais mais 10%).
  • Esse raciocínio de reajustar o valor dos aportes pela inflação, assim como o de que você receberá o equivalente a R$ 5.000, e não exatamente R$ 5.000, vale para todas as simulações desta coluna.

Também é importante falar que todos os cálculos já descontam o Imposto de Renda, Se o objetivo for se aposentar em 20 anos, o valor dos aportes mensais no Tesouro deve subir para R$ 3.733 por mês. Se for em 10 anos, para nada menos do que R$ 9.410 por mês.

Como conseguir 500 mil reais em 5 anos?

Como juntar R$ 500 mil em 5 anos? Veja quanto investir por mês para chegar lá Como juntar R$ 500 mil em 5 anos? Se seu objetivo é ter meio milhão de reais em 60 meses, o primeiro passo é fazer uma conta simples: divida o valor total desejado pelo número de meses que terá para conseguir juntar o dinheiro.

Assim: 500.000/60 = 8.333 Ou seja, se poupar R$ 8.333 por mês durante 5 anos, conseguirá juntar R$ 500 mil. Mas esse valor bruto está desconsiderando um grande aliado do investidor: o efeito dos juros compostos. Esse tipo de juro tem a propriedade de aumentar de forma exponencial o valor do dinheiro no tempo.

Isso porque será possível somar, ao valor poupado, a rentabilidade dos investimentos. Essa rentabilidade, ou juro, poderá ser maior ou menor, dependendo do tipo de ativo e do risco que o investidor toma. Para saber quanto poupar por mês para chegar aos R$ 500 mil em cinco anos, pedimos ao planejador financeiro pela Planejar Carlos Castro, CEO da SuperRico, que fizesse as contas para facilitar o caminho do investidor.

  1. Em primeiro lugar, Castro utilizou os tipos de investimentos mais comuns de renda fixa (poupança e Tesouro ).
  2. Além disso, também inseriu uma carteira moderada de médio risco e uma carteira de renda variável, com bastante risco.
  3. Para chegar ao resultado final, Castro adotou as seguintes premissas de, ao longo dos anos: 11,75% ao ano em 2023, 9% a.a em 2024 e 8,5% ao ano, a partir de 2025.

O resultado foi esse:

Tipo de investimento CDI a termo Juro nominal ao ano Valor mensal a depositar
Poupança 66% 6,54% R$ 7.101,41
Tesouro Selic 100% 9,44% R$ 6.547,58
Carteira moderada 130% 16,72% R$ 6.096,01
Renda Variável 200% 25,72% R$ 5.169,20
See also:  Quem Nasceu Em 1995 Tem Quantos Anos?

Cálculos feitos por Carlos Castro, CFP Como se vê, a ajuda dos juros, mesmo o menor deles (no caso, a caderneta de poupança), fez com que o resultado inicial de R$ 8.333 ao mês ficasse bem menor. Ou seja, quem optasse pela caderneta como investimento teria de depositar R$ 7.101,41 ao mês.

Já aquele que optasse pelo investimento em renda variável desembolsaria R$ 5.169,20 ao mês, um esforço de poupança bem menor. Isso significa, então, que todo investidor deve optar pelo caminho da renda variável para chegar ao meio milhão em cinco anos? Definitivamente não. É importante lembrar que a renda variável, apesar do grande potencial de retorno, também embute, em contrapartida, um grande risco.

Dessa forma, o resultado dessa simulação bem pode acontecer, mas também pode ocorrer de o investidor chegar ao final do período com um valor menor do que o investimento inicial. A chave para decidir qual o melhor caminho escolher é descobrir e respeitar seu perfil de investidor.

Quem pode se aposentar com 15 anos de contribuição?

É possível aposentar com 15 anos de contribuição? Conheça a brecha na reforma da previdência A aposentadoria no Brasil tem se tornado uma perspectiva distante para uma parcela significativa da força de trabalho. Frequentes reformas previdenciárias, implementadas para lidar com o déficit do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), vêm alterando as regras, gerando desconforto entre os brasileiros.

Similarmente, na França, a situação não é diferente. Em 2023, o país vivenciou uma onda de greves em resposta à decisão unilateral do presidente Emmanuel Macron de elevar a idade mínima de aposentadoria e aumentar o tempo mínimo de contribuição. Apesar dos protestos, a reforma, considerada desigual por sindicatos e uma ampla parcela da população, foi implementada após aprovação do Tribunal Constitucional Francês.

No Brasil, a mais recente reforma estabeleceu uma idade mínima de 65 anos para homens e 62 anos para mulheres se aposentarem, pegando muitos trabalhadores de surpresa. A decepção é ampliada quando consideramos que muitos brasileiros precisam continuar a trabalhar após a aposentadoria para complementar a renda.

Contudo, mesmo com a nova reforma, existem possibilidades de se aposentar com um tempo reduzido de contribuição. Casos menos comuns permitem a aposentadoria com apenas 15 anos de contribuição, o mínimo exigido por lei, contanto que a idade mínima seja alcançada e que a inscrição na Previdência Social tenha sido feita até 24 de julho de 1991.

Na realidade, essa alternativa para a aposentadoria, mesmo que rara, está prevista e surge como uma exceção ao padrão usual. Até 1991, a carência de 60 meses era suficiente, no entanto, as mudanças trazidas pela nova reforma previdenciária fizeram com que esse prazo fosse triplicado, criando um novo cenário para os beneficiários que atendem às condições exigidas.

Com o passar do tempo, houve um incremento gradual na quantidade de meses de carência requeridos, alcançando o patamar atual de 180 contribuições. Além disso, é necessário que o indivíduo tenha atingido a idade mínima até 2010, sendo 62 anos para mulheres e 65 anos para homens. Essa combinação de requisitos faz com que seja pouco provável que essas pessoas ainda não tenham se aposentado, uma vez que já ultrapassariam facilmente a marca dos 70 anos.

Vamos considerar um cenário imaginário, em que um segurado de 75 anos, que ainda não se aposentou e que atende a todas as diretrizes, deverá verificar na tabela em qual ano completou 60 anos e quantas contribuições realizou. Ele não precisa necessariamente ter contribuído com as 180 contribuições requeridas atualmente.

  1. Essa condição seria relevante sob a reforma anterior, que possuía regras distintas para a carência reduzida.
  2. Para classes específicas, como professores, trabalhadores rurais e pessoas com deficiência, há regras diferenciadas.
  3. Os trabalhadores rurais, por exemplo, mesmo sem terem contribuído para o INSS, podem comprovar 15 anos de atividade no campo para se aposentar.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2023, cerca de 30% dos idosos brasileiros continuam trabalhando após a aposentadoria. Isso reforça a importância de os trabalhadores estarem cientes de seus direitos e de se manterem atualizados em relação às constantes mudanças nas regras previdenciárias.

Ainda, é essencial que os trabalhadores busquem orientação de profissionais especializados para compreender suas opções e direitos previdenciários. Isso é particularmente importante para os mais velhos, que talvez desconheçam que podem ter direito a benefícios com base em regras anteriores. Em adição, um relatório recente da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), publicado em 2023, destaca que o Brasil tem um dos sistemas de aposentadoria mais desafiadores entre os países membros.

O estudo recomenda a necessidade de políticas mais sólidas de educação financeira e planejamento de aposentadoria para garantir a segurança financeira dos idosos. Portanto, a necessidade de aprimorar as políticas previdenciárias e oferecer mais educação financeira à população torna-se cada vez mais urgente, de forma a assegurar uma aposentadoria digna e sustentável para todos.

Como se aposentar com 15 anos de contribuição?

Em caso de contribuição mínima de 15 anos, serão acrescidos 6 meses à idade mínima até chegar a 62 anos em 2023. A transição fica desta forma: 2020: 60,5 anos.2021: 61 anos.

Quem não tem tempo de contribuição pode se aposentar?

BPC LOAS para quem não tem contribuições para o INSS – Se você não se enquadra em nenhuma das situações acima, você ainda pode ter direito a um auxílio do Governo que é pago mensalmente, chamado de Benefício de Prestação Continuada (BPC). O BPC também é conhecido como LOAS, pois ele é regulamentado pela Lei Orgânica da Assistência Social – LOAS.

Quando alguém diz que ” quem tem 65 anos e nunca contribuiu pode se aposentar “, na verdade pode estar se referindo a esse tipo de benefício. Mas é importante esclarecer que ele não é uma aposentadoria ou benefício previdenciário, mas sim um benefício Assistencial – por isso não depende de contribuições, mas é preciso comprovar que têm baixa renda.

Existem dois grupos de pessoas que podem ter direito ao BPC LOAS, desde que cumpram alguns requisitos:

Pessoas idosasPessoas com deficiência

Confira, resumidamente, os requisitos para cada um deles: