Početna – ThaiConsulate

Tips, Reviews, Recommendations

Como Saber Quem Eu Fui Na Vida Passada?

É possível se lembrar de vidas passadas?

A resposta é ‘sim’, por meio da terapia de regressão de vidas passadas. É importante entender o que é reencarnação, difundida no budismo e no espiritismo, e que está associada à lei da causa e efeito, o chamado karma, que significa ‘ação’.

Em que ano eu morri na vida passada?

Para saber qual é seu número regente de vida passada, basta somar todos os números do seu ano de nascimento e reduzi-los até valores entre 1 e 22. Se passar de 22, reduza a 1 dígito. Veja exemplos: Ano 1975 = 1+9+7+5 = 22.

Como saber em qual encarnação eu estou?

Através da Numerologia do seu nome, você consegue desvendar mais sobre as suas vidas passadas, descobrir o que precisa aprender para superar os erros de diferentes encarnações e, assim, poder ser feliz na vida atual. Para isso, escreva o seu nome completo e numere as letras de acordo com a tabela alfanumérica abaixo.

Quantas vezes uma pessoa pode reencarnar?

Um espírito pode reencarnar quantas vezes necessitar para o seu desenvolvimento, sem perder sua individualidade, mudando apenas de personalidade.

Quanto tempo leva para a reencarnação?

B) Se ocorre após os 4 anos, o espirito retorna ao mundo espiritual como criança e completa as fases do seu desenvolvimento no mundo espiritual até retornar a fase da consciência adulta, podendo então prosseguir em sua caminhada rumo a evolução.

Porque pode ser perigoso fazer regressão a vidas passadas?

Feita por >Maria Estela · 1 ago 2016 Regressão Gostaria de saber se a técnica de regressão é segura. A melhor resposta 3 AGO 2016 · Esta resposta foi útil a 10 pessoas Boa noite Maria Estela, a regressão é uma técnica segura quando conduzida por um profissional habilitado em hipnose clínica e quando utilizada dentro de um processo terapêutico. É totalmente desaconselhável fazer regressão por mera curiosidade. Há a necessidade de se ter um problema para ser tratado para que se possa fazer uma regressão. É preciso antes de tudo avaliar se o caso é realmente para se usar a técnica da regressão ou uma outra técnica. A regressão é muito útil pra se trabalhar causas inconscientes de problemas presentes, para se trabalhar traumas, ressignificação de crenças negativas, limpeza de memórias negativas, resgate de recursos do passado e também para trabalhar a criança interior dependo da abordagem seguida pelo profissional. Não há risco de a pessoa não voltar da regressão.Mas reviver situações traumáticas do passado sem limpá-las pode ocasionar uma retraumatização, por isso busque sempre um psicólogo que tenha formação em hipnose clínica. Edgard Tetsuo Utiama Psicólogo em São José dos Campos 136 respostas 2613 pontuações positivas Contatar A resposta foi útil a você? Obrigado pela sua avaliação!

Quem pode reencarnar?

Prezado Dr. Ricardo, Meu nome Silveira agradeo a gentileza das respostas Ok. Vamos l.1-Quem reencarna ? Toda alma (conforme diriam alguns) ou esprito que ainda no alcanou a plenitude do conhecimento e do amor, necessita reencarnar.2- Qual o nmero de vezes que j reencarnamos ? Dizem que so 7, verdade ? S se for o sete simblico que significaria: ” sempre ” ” eterno “, “todo”,7 notas musicais, sete cores, 7 dias da semana significam todas as notas, todos os dias todas as cores. Todos ns j contamos inmeras existncia s e deveremos te um nmero incontvel pela frente.3- Para qu reencarnar ou seja qual a finalidade bsica da reencarnao ? A evoluo, A busca do conhecimento e do amor plenos. Em resumo a busca da felicidade.4- possvel diminuir-se o nmero das reencarnaes ? Como Posso fazer isto ? Depende do esforo prprio, do progresso e evoluo alcanados,5-Qual a razo ou fundamento filosfico que vocs (reencarnacionistas) se baseiam para considerar lgica a tese ‘>hip tese ou teoria (no sei como dizer) da existncia da reencarnao ? Justia divina e amor, dando oportunidade a todas as criatura s.6- H reencarnao a pena s na Terra ? No. H inmeros astros habitados no universo onde se pode reencarnar.7- Quem disse isso ? Jesus, H muitas moradas na casa do meu pai. alm disto todos so esprito s evoludos nos dizem isto.8- quando se reencarna em outro astro ? Bem, vamos dividir em trs situaes: a) Espritos que superam o conhecimento em seu planeta podem renascer em outro astro mais evoludo. lhes dada esta opo. b) esprito s superiores podem, tambm, reencarnar em outros astros mais atrasados em misses de auxlio. c) Espritos que no acompanham a evoluo de um planeta podem reencarnar em astros mais atrasados que se adequem ‘a sua situao evolutiva.9) Em termos de reencarnao, como vocs esprita s vem a posio da Terra no contexto do universo ? A Terra um planeta relativamente atrasado onde reencarnam esprito s que ainda no superraram suas limitaes em todos os sentidos.Exceto alguns missionrio s planetrio s.10) Em resumo, como o Sr, diria quais so os tipos de reencarnaes que existem aqui na Terra? Segundo os esprito s, e no a pena s segundo meu pensamento, h reencarnaes de prova s( que equivalem a verificao de aprendizado=testes) Reencarnaes de expiao ( ressarcimento de dvidas anteriores) e reencarnaes de misses (auxlio a terceiros ) 11- Leva-se muito tempo entre uma vida e outra ? Ou seja quanto tempo se leva de intervalo,? Depende da situao especfica de cada esprito, do seu merecimento ou evoluo e da necessidade dos seus vnculos espirituais e materiais.12-) Como assim vnculos ? Parentes, amigos, amor es etc. so fato res que influenciam.13) quer dizer que o tempo muito varivel ? Sim. H quem reencarne meses aps a morte fsica. H quem leve sculos.14) Todos os esprito s desejam reencarnar ? Alguns no tem condies de escolha e so conduzidos ao retorno sob orientao dos mentores espirituais 15) Quer dizer ” na marra ” ? Com suavidade mas determinao dos esprito s superiores.16) H um programa bsico para cada nova vida ? Sabe Silveira, suas perguntas so bem inteligente s. Sim,as linhas gerais da vida so relativamente determi nada s, para a melhor lio educativa ao esprito,17) Andei anotando antes de perguntar. Os esprito s podem participar da programao bsica da sua reencarnao ? Sim, se tem nvel de evoluo espiritual para isto.18) Se um esprito no tiver afim de reencarnar, relutar etc. Isto existe? O que acontece ? Existe em alguns casos. O livre arbtrio se estende tambm no mundo da dimenso espiritual, Pela ignorncia se prejudicam quando assim agem. Retardam seu crescimento, que no entanto mais cedo ou mais tarde se far.19) Poderia, como costuma sempre ser, objetivo na questo de termos ou no tido encarnaes em espcies no humanas ? Seremos objetivos: Tivemos ! 20) Peo, ento, para detalhar melhor. H referncias de autores espirituais confiveis sobre esta questo ? Com certeza.21) Pode cit-los ? Kardec, Lon Denis, Emmanuel, Joanna de Angelis, Andr Luiz.22) Emmanuel via Chico Xavier ? Editora FEB ? Sim. Portanto, fonte de grande confiabilidade.23) Pode citar uma obra de Emmanuel, via Chico Xavier editada pela FEB que fale sobre isto ? Sim. ” O Consola dor “.24) Poderia dar o local exato da referncia ? Questo 79 do ” O Consola dor ” 25) Como interpretar nosso parentesco com os animais ? Considerando que eles igualmente possuem, diante do tempo, um porvir de fecundas realizaes, atravs de inmeras experincias chegaro, um dia ao chamado reino hominal, como, por nossa vez, alcanaremos, no escoar, dos milnios, a situao da angelitude.26) Lembro, agora, que Lon Denis falou mesmo algo a respeito. como era mesmo a frase ? Sim, no Livro ” O problema do Ser, do Destino e da Dor” :,O esprito dor me no mineral, sonha no vegetal, agita-se no ani mal e desperta no homem,27) Realmente so citaes muito fortes e de autores importantes. No entanto gostaria que me apontasse onde nas obras da codificao h referncia clara sobre esta questo. Existe ? Sem dvida Geraldo, Podemos encontrar no Livro dos Espritos, na questo 540, na resposta, no penltimo paragrafo, o trecho:, assim na natureza, que tudo serve tudo se encadea desdo o tomo at o arc anjo que comeou por ser tomo.28) Sem querer ser inconveniente, mas posso ter sido um cachorro, gato, pombo-correio? Amigo Geraldo: No! No fomos nada disto.29) Por qu ? como sabe ? Pelo motivo de que gatos, ces, e pombos so espcies modernas, existentes h um tempo recente em relao aos bilhes de anos da histria da Terra. No existiam gatos e pombos h milhes de anos atrs. Descendemos de espcies primitivas que originaram a espcie humana. Mas, Darwin disse que o homem descendeu do macaco. Alto l !!! Darwin jamais disse isto. Quem disse foram os jornais da poca. No podemos ter descendido dos macacos pois so espcies modernas.30) Como foi ento ? Seguindo as orientaes de Andr Luiz em Evoluo em Dois Mundos, de Joanna de Angelis em ” Estudos Espritas” e outros autores, O homem descendeu de seeres bpedes primitivos que foram se transformando at surgir o Homo sapiens.31) Pode me detalhar melhor porqu no descendemos dos macacos ? Veja : Eu e meu primo somos contemporneo s. eu no posso descender de meu primo. Eu e meu primo descendemos de um mesmo av.Macacos e Homens so primos distantes, portanto, descendem de ancestrais distantes. No podem descender um do outro. Darwin esclarece muito bem isto. Andr Luiz e Joanna da angelis tambm.32) O Sr. tem livro, de sua autoria,a respeito disto ? Sim. Reencarnao e Evoluo das Espcies. editora Universalista.33) Meu caro doutor : Parabns pela objetividade e clareza. Que alvio saber que no fui um cachorro e voc um gato, Bem Geraldo, para brincar um pouco : Minha mulher ainda pensa que sou um gato. Um abrao, Dr. Ricardo Di Bernardi.34) O esquecimento das vidas passadas nos necessrio? Por qu ? necessrio para facilitar a superao de problemas Por exemplo: para facilitar a convivncia com adversrios nossos de vidas anteriores que renascem no mesmo lar.35) Ento, o passado apagado ? No totalmente. H situaes que as lembranas de vidas passadas podem ser trazidas ‘a tona do consciente com finalidade teraputica. (Terapia Regressiva de Vivncias Passadas).No entanto o esquecimento procura estabelecer o equilbrio psquico,36) Sob a tica da reencarnao qual o seu conceito de famlia ? A verdade ira famlia a famlia espiritual, constituda de esprito s afins que se compreendem e se auxiliam.37) Esta viso no nos eximir ia de responsabilidade junto a famlia convencional ? No. A maior responsabilidade, nos diz a doutrina esprita, junto aqueles quer encarnam e convivem sob o mesmo teto e possuem conosco laos consangneos. Assim nos orientam os esprito s superiores.38) Os esprito s reencarnam sempre com o mesmo sexo ? No. O esprito em essncia no tem sexo.Conforme a necessidade de sua misso, prova ou expiao pode reencarnar como homem ou mulher, sem que isto determine qualquer alterao na manifestao da sexualidade.39) Quer dizer que no por causa da reencarnao em sexo diferente que ocorre homosexualidade? A Homossexualidade decorre de dificuldades mais profundas onde o esprito j traz questes adaptativas ao sexo ligadas a situaes sofridas nesta vida ou em outras anteriores. No a simples mudana de sexo que ocasiona esta situao.40)O esprito reencarna com uma determi nada vocao ? As percepes e conhecimento s adquiridos e vivenciados anteriormente nos do tendncias inatas que podem ser chamadas de vocao.41) O esprito reencarnado est totalmente fixo ao corpo ? No. durante o sono ou em outras situaes como meditao, treinamento et. pode projetar-se ou desdobra-se para fora do corpo biolgico.42) Isto que voc citou, seria a tal da viagem astral ? Sim. H viagens pequenas. tours longos, com bom guia turstico ou com um pssimo guia turstico, sem guia turstico. etc. isto pode-se sair com proteo espiritual ou sem,43) Qual o esprito que reencarnou na Terra que foi o mais evoludo ? Provavelmente Jesus. Digo prova velmente por isto no ser um dogma,44) O que o Sr. acha que foi em vida passada ? Fui ainda menos evoludo menos tolerante, menos inteligente, menos amor oso. Melhorei um pouquinho. Quero dizer,. Com isto, que todos ns evolumos a cada existncia,45) H referncias bblicas favorveis a reencarnao ? Sim. Inmeras. Veja em Joo III versculos de 1 a 20 por exemplo ou M ateu s XVII de 10 a 14. Basta procurar as obras esprita s que h explicaes detalhadas.

O quê o Espiritismo fala sobre vidas passadas?

Através da crença na reencarnação, que está presente nos Vedas e é reforçada nos Upanixades, é possível entender o código da vida cotidiana que encoraja a boa conduta (já que a bondade é recompensada) e evitar a má conduta, que reserva numa vida posterior o cumprimento do karma para a evolução espiritual.

Quando Reencarnamos voltamos na mesma família?

A reencarnação fortalece os laços de família, ao passo que a unidade da existência os rompe 18. Os laços de família não sofrem destruição alguma com a reencarnação, como pensam certas pessoas. Ao contrário, tornam-se mais fortalecidos e apertados. O princípio oposto, sim, os destrói.

No Espaço, os Espíritos formam grupos ou famílias unidos pela afeição, pela simpatia e pela semelhança das inclinações. Felizes por se encontrarem juntos, esses Espíritos se buscam uns aos outros. A encarnação apenas os separa momentaneamente, porque, ao regressarem à erraticidade, reúnem-se novamente como amigos que voltam de uma viagem.

Muitas vezes, até, seguem juntos na mesma encarnação, vindo aqui reunir-se numa mesma família ou num mesmo círculo, a fim de trabalharem pelo seu mútuo adiantamento. Se uns encarnam e outros não, nem por isso deixam de estar unidos pelo pensamento. Os que estão livres velam pelos que se acham em cativeiro.

Os mais adiantados se esforçam por fazer que os retardatários progridam. Após cada existência, deram mais um passo no caminho da perfeição. Cada vez menos apegados à matéria, seu afeto é mais vivo, justamente por ser mais depurado e não ser perturbado pelo egoísmo, nem pelas sombras das paixões. Podem, portanto, percorrer assim ilimitado número de existências corpóreas, sem que nenhum golpe fira a estima mútua que os liga.

Fique bem claro que aqui se trata de afeição real, de alma a alma, única que sobrevive à destruição do corpo, porque os seres que neste mundo se unem apenas pelos sentidos, não têm nenhum motivo para se procurarem no mundo dos Espíritos. Somente as afeições espirituais são duráveis; as de natureza carnal se extinguem com a causa que lhes deu origem.

Ora, essa causa não existe mais no mundo dos Espíritos, enquanto a alma existe sempre. Quanto às pessoas que se unem exclusivamente por motivo de interesse, essas realmente nada são umas para as outras: a morte as separa na Terra e no Céu.19. A união e a afeição que existem entre parentes são um indício da simpatia anterior que os aproximou.

É por isso que se costuma dizer, referindo-se a alguém cujo caráter, gostos e pendores não apresentam nenhuma semelhança com os dos seus parentes mais próximos, que ela não é da família. Dizendo-se isso, enuncia-se uma verdade maior do que se supõe. Deus permite, nas famílias, essas encarnações de Espíritos antipáticos ou estranhos, com o duplo objetivo de servir de prova para uns, e de progresso para outros.

See also:  Dislexia O Que E Como Identificar?

Assim, os maus se melhoram pouco a pouco, ao contato dos bons e por efeito dos cuidados que destes recebem. O caráter deles se abranda, seus costumes se apuram, as antipatias se apagam. É desse modo que se estabelece a fusão entre as diferentes categorias de Espíritos, como se dá na Terra com as raças e os povos.

: A reencarnação fortalece os laços de família, ao passo que a unidade da existência os rompe

Como é feita a terapia de vidas passadas?

O que é Terapia devidas passadas (TVP) |BuddhaSpa Como Saber Quem Eu Fui Na Vida Passada A Terapia de Vidas Passadas (TVP) é uma abordagem terapêutica, ainda não vinculada à Psicologia e à Medicina, que tem como hipótese fundamental a realidade do renascimento sucessivo, ou a teoria da reencarnação, A Terapia de Vidas Passadas usa técnicas semelhantes à Hipnose regressiva, que tem como meta regressar no tempo até os primeiros períodos da vida atual – como infância, nascimento e vida intrauterina.

  1. A TVP, por sua vez, declara ser possível conduzir o ser humano a estados de consciência anteriores ao nascimento físico e à fase intrauterina; estados que transcendem a perspectiva de sua personalidade atual.
  2. A TVP deriva seu nome da experiência de regressar a vidas passadas, tendo como objetivo o tratamento de outras existências, para o alívio de sintomas físicos e psíquicos.

A Terapia de Vidas Passadas trabalha com o pressuposto de que muitas experiências originárias de encarnações passadas podem ter criado marcas profundas em nosso psiquismo, Essas marcas podem ter sua gênese em momentos determinados durante a vida ou no momento da morte.

Com a amnésia pós-nascimento da vida seguinte, nossa memória fica velada, mas as repercussões decorrentes das marcas deixadas de vidas passadas continuam ressoando em nosso ser, gerando múltiplos e variados problemas, como dores, fobias, traumas, angústia, ansiedade, sintomas físicos e emocionais. A TVP trabalha as raízes desses problemas, removendo-os e promovendo uma vida mais plena, equilibrada e satisfatória em todos os seus aspectos.

Trabalha com Reflexologia, Reiki, Massagem, Florais, Aconselhamento Terapêutico, Técnicas de Relaxamento, Hipnose, Regressão, Terapia de Vidas Passadas e Numerologia, com experiência no ramo há mais de 20 anos. Facebook: romuloborgesrodrigues Twitter: @_arahat : O que é Terapia devidas passadas (TVP) |BuddhaSpa

O que é um carma de vida passada?

Nesse sentido, a palavra karma inclui os resultados acumulados de ações passadas, que são as formas de futuras atividades. ‘O que eu sou, nesse momento, é o efeito da soma total de todas as impressões da minha vida passada.

Como se livrar de carma de vidas passadas?

Limpar a energia kármica é retirar as sobreposições de encarnações, as vidas passadas que ainda permanecem na pessoa sob a forma de densidade. É, simplesmente, retirar essa energia, através de uma. De acordo com certas crenças, quando uma criança nasce, traz consigo mensagens e reflexos de situações vividas no passado.

Como calcular a idade de liberação do karma?

A Idade do Karma – De acordo com outra teoria, a chamada idade do karma designa um período da nossa vida que está especialmente relacionado com karmas que trouxemos de vidas passadas. Este período corresponde a um total de 6 anos, que se encontram três anos antes e três anos depois da data encontrada, e é geralmente caraterizado por acontecimentos significativos, que apresentam importantes provas e que se traduzem na libertação kármica de padrões que trouxemos por resolver (caso não sejam resolvidos, esses karmas dão oridem a mais karmas, com que teremos de lidar em vidas futuras).

A idade do Karma calcula-se somando, primeiro, o dia e o mês de nascimento e, depois, os algarismos que compõem o ano de nascimento. Voltando ao nosso exemplo, teremos: 14 + 7 = 21 1 + 9 + 7 + 3 = 20 De seguida, somamos todos os algarismos que compõem a data de nascimento: 1 + 4 + 7 + 1 +9 + 7 + 3 = 32 Por fim, somamos os três resultados obtidos: 21 + 20 + 32 = 73 Assim, a idade do karma desta pessoa encontra-se aos 73 anos.

Entre os 70 e os 76 anos (3 anos antes e 3 anos depois), terá de prestar contas e superar desafios especialmente relacionados com os principais karmas com que encarnou. Veja também:

O que é o karma do amor?

Karma do amor – Uma karma é uma dor não chorada – de uma vida passada. Não foi feito o luto. Um karma de amor é uma dor de amor, lá de trás que não foi libertada, que mora em nós e vaza de vida para vida. Limpar um karma de amor é conseguir chorar essa dor.

Se não acessarem essa dor, processarem, drenarem, irão viver a experiência da montanha russa para sempre, até voltarem a se perder nesta vida e duplicar a dor a ser resolvida numa vida futura.Mas se conseguirem compreender o propósito de tão mágico encontro, irão viver uma vida incrível, com a sensação profunda, estalando no peito, de que tocaram na fonte da vida e fizeram com que tudo valesse a pena. E como diz Cesare Pavese “O amor tem a virtude, não apenas de desnudar dois amantes um em face do outro, mas também cada um deles diante de si próprio.”

: Amor de vidas passadas

Como saber quantas encarnações já teve?

Através da Numerologia do seu nome, você consegue desvendar mais sobre as suas vidas passadas, descobrir o que precisa aprender para superar os erros de diferentes encarnações e, assim, poder ser feliz na vida atual. Para isso, escreva o seu nome completo e numere as letras de acordo com a tabela alfanumérica abaixo.

Como um espírito escolhe seus pais?

Fonte: Nascer várias vezes – Por: Regis Mesquita A escolha dos pais com os quais o espírito vai encarnar (como filho) acontece justamente porque eles podem oferecer ao espírito a possibilidade de “ativar” determinados complexos de encarnações passadas.

Isto significa que a criança terá naquela família as dificuldades e facilidades necessárias para ela cumprir aquilo que foi planejado antes de nascer (missão de vida). – O retorno do espírito para o corpo é planejado. A família em que ele nascerá será aquela capaz de propiciar o positivo e o negativo que ele precisa para evoluir.

– A escolha da família na qual um espírito vai reencarnar é determinada pelas qualidades e defeitos que fazem parte do núcleo familiar. Toda família possui características que estimulam positivamente ou negativamente a criança, que está em processo de formação.

Explico-me: uma mãe amorosa, mas medrosa, engravidou. Suas vibrações foram de profundo amor, aceitação e alegria. Junto veio o receio e a insegurança. O espírito que nascerá será estimulado por todos os sentimentos, pensamentos, vibrações e sensações da mãe. Tanto as vibrações de amor quanto as vibrações de insegurança (por exemplo) vão influenciar na formação do feto.

Suponhamos que esta mãe tenha medo de perder o emprego. Este conjunto de pensamentos, sentimentos, vibrações e sensações chega até o feto. O feto não tem condições de lidar com estes estímulos. Ele usa o “banco de dados” do espírito. O espírito é a referência, a memória e a percepção do feto.

  • Ou seja, é o espírito quem dá sentido aos estímulos que chegam da mãe.
  • Chamamos estes estímulos de dinamizadores, pois eles dinamizam e estimulam a memória espiritual, fazendo com que parte dela seja impregnada na mente do bebê antes dele nascer, durante o parto e mesmo depois do nascimento.
  • Suponhamos agora que em uma encarnação passada este espírito tenha passado fome por causa de desemprego.

As vibrações da mãe dinamizam esta memória do espírito e o resultado poderá ser a ansiedade no feto. A ansiedade no feto gerará uma criança ansiosa (que terá que enfrentar o desafio da ansiedade em sua vida). Desta forma, o bebê que nasce é uma continuidade do espírito que nele está encarnado.

Ele nasce com informações de outras encarnações e do plano espiritual. O bebê não é uma página em branco, ele possui uma riqueza extraordinária de informações e recursos (é assim que se forma a personalidade do bebê). A formação da mente é acompanhada pela entrada de conteúdo do espírito, que molda o novo corpo que está se formando.

Somos uma continuidade. Somos um corpo novo conduzido por um espírito antigo, que já teve muitas encarnações, possui muitos recursos, habilidades, conhecimentos, condicionamentos, traumas, etc. Toda criança é um espírito repleto de vida e de história. É muito importante saber trabalhar com esta história e aproveitar os recursos que foram arduamente desenvolvidos em dezenas (ou centenas) de encarnações.

Lembre-se: o feto está ligado a um espírito que possui capacidade de percepção e memória. Os acontecimentos desta fase da vida são armazenados e influenciam a formação da mente do bebe. Desta forma, as primeiras memórias que o bebê terá serão um misto de memórias intrauterinas com memórias de encarnações passadas.

“A família é o campo de provas para a evolução do espírito;” A mãe insegura (do exemplo anterior) deve se sentir culpada? Não, nunca. A escolha dela (e do pai) para receber aquele espírito deve-se ao conjunto de suas qualidades e dificuldades. O espírito nasce em um novo corpo para lutar, superar dificuldades e evoluir.

Ele está reencarnando porque possui muito à aprender e amadurecer. As dificuldades que são dinamizadas na formação do feto JÁ estão presentes no espírito e devem ser por ele resolvidas. Traduzindo: a família dinamiza somente aquilo que o espírito que está reencarnando carrega no “coração”. É igual na vida cotidiana: o que esperar de um ingrato? Ingratidão.

E de uma pessoa desonesta? Desonestidade. Se alguém der um prato de comida para um ingrato, o que será dinamizado? Ingratidão. Talvez o ingrato pense e sinta raiva: “ela me deu arroz com feijão, deveria ter me dado macarrão”. Se esta pessoa for grata, ela não terá ingratidão por receber um prato de comida.

Só é dinamizado o que está no “coração” desta pessoa. O que não existir, não pode ser estimulado. Da mesma forma, se a mãe emitir vibrações de insegurança e o espírito for seguro, ela não irá dinamizar nada. Tudo de bom ou ruim que for dinamizado no espírito é porque já está presente neste espírito. Se no seu “coração” (espírito não tem coração, imagem simbólica) houver paz, o espírito sentirá paz mesmo que os pais não sintam esta paz.

O que existir pode ser estimulado, o que não existir não será estimulado. O que for dinamizado (estimulado) será o que o filho terá de bom ou ruim para enfrentar. Os filhos são uma benção para a família porque com sua personalidade única contribuem para que os pais também aprendam com eles.

O que é uma ligação espiritual?

Autoconhecimento e a prática de atividades que tranquilizam a mente refletem na boa saúde do corpo e da alma. – Buscar sentido para a vida por meio do autoconhecimento e da conexão com Deus ou alguma outra entidade que você acredite é o que chamamos de espiritualidade.

  1. É a tentativa dos homens de se conectar, por meio de energia, fé e crença com algo transcendente e maior que nós mesmos.
  2. A espiritualidade não está necessariamente ligada a uma prática religiosa.
  3. Ela pode ser uma jornada individual, em que cada pessoa atribui vivências e significados próprios para descrever essa ligação não tangível com um ser ou força superior.

É nessa conexão com o etéreo que, muitas vezes, as pessoas encontram resiliência para compreender momentos desafiadores da vida. Desenvolver ou mesmo descobrir a espiritualidade pode ser mais fácil do que você imagina. Afinal, apenas o fato de tomar consciência de que é necessário investir energia e tempo nisso já é um grande avanço.

See also:  Como Saber Qual Meu Numero?

A primeira conexão com a espiritualidade vem do processo de autoconhecimento, de olhar para dentro, reconhecendo nossas potencialidades, fraquezas, nosso lado luz e sombra. E para te ajudar na sua conexão com a espiritualidade, aí vão algumas dicas: Autocuidado Parece óbvio, mas não é. Na correria do dia a dia as pessoas se esquecem de olhar para elas mesmas.

Reserve um tempo para você. Faça uma meditação, essa prática ajuda a acalmar a mente, traz paz interior e reduz a ansiedade. Quando não estamos em paz, é difícil nos conectar com o que é transcendente/espiritual. Perdão Somos seres holísticos – nosso corpo, mente e espírito estão conectados.

Feridas na alma, quando não resolvidas, se refletem em doenças no corpo. E o perdão talvez seja uma das mais poderosas ferramentas de transformação no processo de espiritualidade e autoconhecimento. Perdoar a si mesmo é necessário para reduzir a carga e as cobranças internas. E perdoe o outro, é um gesto altruísta que nos aproxima da essência do que é o amor e nos conecta com nossa espiritualidade.

Respeito Tenha respeito por você e pelos outros. Aquela máxima de que não faça com as pessoas o que você não gostaria que fizessem com você é o maior exemplo de respeito por si mesmo e pelas pessoas. É um exercício de empatia se colocar no lugar de outra pessoa.

Otimismo Pensar de forma positiva transforma nosso cérebro, nos ajuda a ver sempre o lado bom das situações, por mais difíceis que elas pareçam. Otimismo e um belo sorriso no rosto são as melhores armas para enfrentar um dia ou uma fase ruim. Quando somos otimistas emanamos, mesmo que de forma inconsciente, energia positiva para as pessoas e expandimos nosso olhar para o mundo.

Serenidade Muitas vezes sofremos por situações que não podemos mudar e isso gera ansiedade e estresse. Acalmar nossa mente e coração é necessário para uma verdadeira ligação com a espiritualidade. A meditação pode trazer essa calma, mas ela também pode vir por meio de uma boa música, leitura, uma prece, uma caminhada na natureza, brincadeira com uma criança, a companhia do seu amor e tantas outras formas.

Quantos espíritos existem na Terra?

Os espíritos são sempre mais numerosos do que os nascimentos | O TEMPO Muitas pessoas inteligentes fazem questionamentos sobre o número de espíritos que reencarnam e nascimentos. Como pode haver tantos espíritos para reencarnar, se o número de nascimentos de crianças cresce sempre e espíritos não são criados nas novas concepções? Segundo os pesquisadores do número de espíritos existentes que reencarnam na Terra, há cerca de 30 bilhões deles que ora estão aqui reencarnados, ora estão no mundo espiritual.

  1. Ademais, os espíritos migram de um mundo para outro.
  2. Na casa do Pai há muitas moradas para eles (João 14,2).
  3. E vamos ao significado das palavras alma e espírito.
  4. Foi Kardec quem melhor esclareceu essa questão.
  5. De acordo com a orientação dos espíritos, ele ensina que a alma é o espírito encarnado, e que o espírito é a alma desencarnada.

Logo, o homem interior ou espiritual (2 Coríntios 4,18) é espírito e, temporariamente, é alma. E os espíritos são criados simples e sem conhecimento, como nos diz o “O Livro dos Espíritos”, de Kardec, e vão evoluindo com o seu intelecto e seu livre-arbítrio.

Deus ou seus espíritos (Hebreus 1,14) criam sempre novos espíritos, mas não necessariamente no momento da concepção, pois Deus ou seus espíritos não se subordinam à vontade do casal de copular, sem o que não haveria novas concepções. E, se os espíritos fossem criados no ato da concepção, como explicar que umas crianças nascem com problemas mentais, outras com deficiências físicas, e outras em berço de ouro, enquanto que outras nascem na sarjeta? Neste caso, Deus estaria dando destinos diferentes para as pessoas, quando a Bíblia nos ensina que Deus não faz acepção de pessoas, e que nós, também, não devemos fazê-lo.

(Deuteronômio 10,17; Provérbios 28,21; Romanos 2,11; Gálatas 2,6; Efésios 6,9; Colossenses 3,25; e Atos 10,34). As diferenças, que os corpos têm, são consequências das ações passadas dos seus respectivos espíritos. Eu era um bom rapaz, por isso caí (reencarnei) num corpo perfeito (Sabedoria 8, 19 e 20).

  • Neste ensino bíblico, temos as doutrinas verdadeiras da preexistência do espírito, da lei de causa e efeito (carma) e da reencarnação.
  • São Paulo deixou-nos um ensino alegórico sobre nossos corpos.
  • Ele diz que o que semeamos não é a planta nova que há de ser, mas apenas o grão que morre e apodrece na terra, como acontece com nossos corpos mortos que apodrecem também na terra.

(1 Coríntios 15, 35 a 38). A vida entra na nova planta que germina, como entra também no embrião da concepção. Os corpos novos da planta e do homem novos vêm das matérias (semente, espermatozóide e óvulo) provenientes dos corpos anteriores que produziram essas sementes, mas são outros corpos novos e diferentes dos que lhes deram origem.

Observe-se que Paulo está falando de coisas materiais e não da vida dada pelo espírito, que, ao encarnar-se, leva-a para os corpos novos dos vegetais, dos animais e dos seres humanos, o que está de acordo com o ensino de Jesus: “O espírito é que vivifica; a carne para nada aproveita.” (João 6,63). Os espíritos humanos, imortais que são, têm sua individualidade e identidade próprias.

Eles vão para o mundo espiritual (Eclesiastes 12,7) e de lá voltam, desencarnando e reencarnando quantas vezes forem necessárias, até que paguem tudo até o último centavo, e evoluindo até que, enfim, se libertem da matéria (Apocalipse 3,12), salvando-se!PS: Minha homenagem ao saudoso prof.

Quando o Espírito reencarna no bebê?

A criança nasce na família certa para cumprir sua missão de vida. A reencarnação é planejada. FAÇA O DOWNLOAD DO APLICATIVO: – A escolha dos pais com os quais o espírito vai encarnar (como filho) acontece justamente porque eles podem oferecer ao espírito a possibilidade de “ativar” determinados complexos de encarnações passadas.

  1. Isto significa que a criança terá naquela família as dificuldades e facilidades necessárias para ela cumprir aquilo que foi planejado antes de nascer (missão de vida). – O,
  2. A família em que ele nascerá será aquela capaz de propiciar o positivo e o negativo que ele precisa para evoluir.
  3.  – A escolha da família na qual um espírito vai reencarnar é determinada pelas qualidades e defeitos que fazem parte do núcleo familiar.

que estimulam positivamente ou negativamente a criança, que está em processo de formação. Explico-me: uma mãe amorosa, mas medrosa, engravidou. Suas vibrações foram de profundo amor, aceitação e alegria. Junto veio o receio e a insegurança. O espírito que nascerá será estimulado por todos os sentimentos, pensamentos, vibrações e sensações da mãe.

Tanto as vibrações de amor quanto as vibrações de insegurança (por exemplo) vão influenciar na formação do feto. A influência funciona assim: estas vibrações chegam até o feto. Estimulando-o. Na realidade, estimulam os conteúdos espirituais (memórias) relacionados aos temas e que estão presentes no espírito.

Suponhamos que esta mãe tenha medo de perder o emprego. Este conjunto de pensamentos, sentimentos, vibrações e sensações chega até o feto. O feto não tem condições de lidar com estes estímulos. O espírito é a referência, a memória e a percepção do feto.

Ou seja, é o espírito quem dá sentido aos estímulos que chegam da mãe. Chamamos estes estímulos de dinamizadores, pois eles dinamizam e estimulam a memória espiritual, fazendo com que parte dela seja impregnada na mente do bebê antes dele nascer, durante o parto e mesmo depois do nascimento. LEIA TAMBÉM: Suponhamos agora que em uma encarnação passada este espírito tenha passado fome por causa de desemprego.

As vibrações da mãe dinamizam esta memória do espírito e o resultado poderá ser a ansiedade no feto. A ansiedade no feto gerará uma criança ansiosa (que terá que enfrentar o desafio da ansiedade em sua vida). Desta forma, o bebê que nasce é uma continuidade do espírito que nele está encarnado.

O bebê não é uma página em branco, ele possui uma riqueza extraordinária de informações e recursos (é assim que se forma a personalidade do bebê). A formação da mente é acompanhada pela ENTRADA de conteúdos do espírito, que molda o novo corpo que está se formando. Somos uma continuidade. Somos, possui muitos recursos, habilidades, conhecimentos, condicionamentos, traumas, etc.

Toda criança é um espírito repleto de vida e de história. É muito importante saber trabalhar com esta história e aproveitar os recursos que foram arduamente desenvolvidos em dezenas (ou centenas) de encarnações. Lembre-se:, Os acontecimentos desta fase da vida são armazenados e influenciam a formação da mente do bebe. A mãe insegura (do exemplo anterior) deve se sentir culpada? Não, nunca. A escolha dela (e do pai) para receber aquele espírito deve-se ao conjunto de suas qualidades e dificuldades. O espírito nasce em um novo corpo para lutar, superar dificuldades e evoluir.

Ele está reencarnando porque possui muito à aprender e amadurecer. As dificuldades que são dinamizadas na formação do feto JÁ estão presentes no espírito e devem ser por ele resolvidas. Traduzindo: a família dinamiza somente aquilo que o espírito que está reencarnando JÁ carrega no “coração”. É igual na vida cotidiana: o que esperar de um ingrato? Ingratidão.

E de uma pessoa desonesta? Desonestidade. Se alguém der um prato de comida para um ingrato, o que será dinamizado? Ingratidão. Talvez o ingrato pense e sinta raiva: “ela me deu arroz com feijão, deveria ter me dado macarrão”. Se esta pessoa for grata, ela não terá ingratidão por receber um prato de comida.

  1. Só é dinamizado o que está no “coração” desta pessoa.
  2. O que não existir, não pode ser estimulado.
  3. LEIA TAMBÉM: Da mesma forma, se a mãe emitir vibrações de insegurança e o espírito for seguro, ela não irá dinamizar nada.
  4. Tudo de bom ou ruim que for,
  5. Se no seu “coração” (espírito não tem coração, imagem simbólica) houver paz, o espírito sentirá paz mesmo que os pais não sintam esta paz.

O que existir pode ser estimulado, o que não existir não será estimulado. O que for dinamizado (estimulado) será o que o filho terá de bom ou ruim para enfrentar. porque com sua personalidade única contribuem para que os pais também aprendam com eles. Todos aprendem, porque todos possuem muito à aprender e evoluir.

Leia o capítulo “Quando nascemos estamos preparados para a vida que teremos”, do livro Nascer Várias Vezes. É uma ótima dica de leitura para você se aprofundar neste tema. PS: no final da página você pode ASSISTIR um VÍDEO BÔNUS do canal Nascer Várias Vezes no Youtube. Uma reflexão para a sua vida baseada na reencarnação.

Te convido para assisti-lo agora. Autor: Regis Mesquita Contato e terapia: SIGA O BLOG NASCER VÁRIAS VEZES NAS REDES SOCIAIS

  1. ,,,,,,,,
  2. Facebook:

Direitos Autorais: todos os textos escritos por Regis Mesquita estão REGISTRADOS no Escritório de Direitos Autorais da Biblioteca Nacional. Para ler os depoimentos e reflexões de quem leu o livro:, Para conhecer os títulos da cada um dos capítulos do livro:, Para refletir: Uma vida foi gerada. Um espírito encontrou o seu espaço na vida encarnada.

  • É tempo deste espírito influenciar o corpo e a mente que se forma.
  • É tempo de impregnar cada célula deste corpo com as vibrações emanadas pelo espírito.
  • O que há de positivo e negativo, de maduro e imaturo, de aprendizado e de ignorância podem se manifestar na vida do bebê que nascerá.
  • Sendo assim, o bebê é a continuidade.
  • É o novo que se forma sob a influência do espírito antigo.
  • É a nova oportunidade para este espírito experimentar desafios e, por fim, aprender a superá-los.
  • Cada aprendizado é a oportunidade de expandir a vida e estar sempre com seu interior banhado em amor e paz.
  • Autor: Regis Mesquita
  1. Clique em “Curtir Página” para curtir nossa página
  2. Para refletir 2:

O nascimento de cada ser humano é muito bem planejado. São oferecidas a todos as condições necessárias para aproveitar a encarnação para evoluir no que é planejado. Jamais é exigido de alguém a superação de desafios para os quais não tem condição de superar. Portanto, um dos maiores desafios de cada ser humano é aproveitar e desenvolver os muitos potenciais que existem em seu interior.

  • Autor: Regis Mesquita
  • Pensamento inspirado nos ensinamentos do livro Nascer Várias Vezes
  • LEIA TAMBÉM:
  • Para refletir – resumo:

Quando o espírito vai encarnar, a família em que ele vai nascer é determinada pelas qualidades positivas e negativas delas. O espírito encarna com várias missões de vida; cabe à família permitir que estes desafios surjam na vida da criança. Ele precisa evoluir; portanto, precisa ter os desafios para poder se desenvolver.

  1. Ou seja, as características da família são fundamentais para gerar as condições de amadurecimento e,
  2. Leia também:
  • Vídeo – Conflito espiritual: a mãe que não consegue amar um dos seus filhos
  • Vídeo do Canal Nascer Várias Vezes no Youtube
  • Conheça o canal e se inscreva:

FAÇA O DOWNLOAD AGORA, DIREITOS AUTORAIS Os textos do Blog Nascer Várias Vezes, escritos pelo seu autor Regis Mesquita, estão REGISTRADOS junto ao Escritório de Direitos Autorais da Fundação Biblioteca Nacional. Proibida a reprodução! Este artigo NÃO pode ser reproduzido por meio impresso, eletrônico ou qualquer outra forma sem a autorização escrita do seu autor ( ).

See also:  Pela AnLise Do ConteúDo Constata-Se Que Essa Campanha PublicitáRia Tem Como FunçãO Social?

Qual é o objetivo da reencarnação?

A idéia da reencarnação baseia-se no mesmo princípio da ressurreição. A existência das desigualdades sociais não pode ser explicada com base na doutrina da reencarnação. São finalidades da reencarnação: reparação de faltas cometidas, aprendizagem e evolução.

Quem pode reencarnar?

Prezado Dr. Ricardo, Meu nome Silveira agradeo a gentileza das respostas Ok. Vamos l.1-Quem reencarna ? Toda alma (conforme diriam alguns) ou esprito que ainda no alcanou a plenitude do conhecimento e do amor, necessita reencarnar.2- Qual o nmero de vezes que j reencarnamos ? Dizem que so 7, verdade ? S se for o sete simblico que significaria: ” sempre ” ” eterno “, “todo”,7 notas musicais, sete cores, 7 dias da semana significam todas as notas, todos os dias todas as cores. Todos ns j contamos inmeras existncia s e deveremos te um nmero incontvel pela frente.3- Para qu reencarnar ou seja qual a finalidade bsica da reencarnao ? A evoluo, A busca do conhecimento e do amor plenos. Em resumo a busca da felicidade.4- possvel diminuir-se o nmero das reencarnaes ? Como Posso fazer isto ? Depende do esforo prprio, do progresso e evoluo alcanados,5-Qual a razo ou fundamento filosfico que vocs (reencarnacionistas) se baseiam para considerar lgica a tese ‘>hip tese ou teoria (no sei como dizer) da existncia da reencarnao ? Justia divina e amor, dando oportunidade a todas as criatura s.6- H reencarnao a pena s na Terra ? No. H inmeros astros habitados no universo onde se pode reencarnar.7- Quem disse isso ? Jesus, H muitas moradas na casa do meu pai. alm disto todos so esprito s evoludos nos dizem isto.8- quando se reencarna em outro astro ? Bem, vamos dividir em trs situaes: a) Espritos que superam o conhecimento em seu planeta podem renascer em outro astro mais evoludo. lhes dada esta opo. b) esprito s superiores podem, tambm, reencarnar em outros astros mais atrasados em misses de auxlio. c) Espritos que no acompanham a evoluo de um planeta podem reencarnar em astros mais atrasados que se adequem ‘a sua situao evolutiva.9) Em termos de reencarnao, como vocs esprita s vem a posio da Terra no contexto do universo ? A Terra um planeta relativamente atrasado onde reencarnam esprito s que ainda no superraram suas limitaes em todos os sentidos.Exceto alguns missionrio s planetrio s.10) Em resumo, como o Sr, diria quais so os tipos de reencarnaes que existem aqui na Terra? Segundo os esprito s, e no a pena s segundo meu pensamento, h reencarnaes de prova s( que equivalem a verificao de aprendizado=testes) Reencarnaes de expiao ( ressarcimento de dvidas anteriores) e reencarnaes de misses (auxlio a terceiros ) 11- Leva-se muito tempo entre uma vida e outra ? Ou seja quanto tempo se leva de intervalo,? Depende da situao especfica de cada esprito, do seu merecimento ou evoluo e da necessidade dos seus vnculos espirituais e materiais.12-) Como assim vnculos ? Parentes, amigos, amor es etc. so fato res que influenciam.13) quer dizer que o tempo muito varivel ? Sim. H quem reencarne meses aps a morte fsica. H quem leve sculos.14) Todos os esprito s desejam reencarnar ? Alguns no tem condies de escolha e so conduzidos ao retorno sob orientao dos mentores espirituais 15) Quer dizer ” na marra ” ? Com suavidade mas determinao dos esprito s superiores.16) H um programa bsico para cada nova vida ? Sabe Silveira, suas perguntas so bem inteligente s. Sim,as linhas gerais da vida so relativamente determi nada s, para a melhor lio educativa ao esprito,17) Andei anotando antes de perguntar. Os esprito s podem participar da programao bsica da sua reencarnao ? Sim, se tem nvel de evoluo espiritual para isto.18) Se um esprito no tiver afim de reencarnar, relutar etc. Isto existe? O que acontece ? Existe em alguns casos. O livre arbtrio se estende tambm no mundo da dimenso espiritual, Pela ignorncia se prejudicam quando assim agem. Retardam seu crescimento, que no entanto mais cedo ou mais tarde se far.19) Poderia, como costuma sempre ser, objetivo na questo de termos ou no tido encarnaes em espcies no humanas ? Seremos objetivos: Tivemos ! 20) Peo, ento, para detalhar melhor. H referncias de autores espirituais confiveis sobre esta questo ? Com certeza.21) Pode cit-los ? Kardec, Lon Denis, Emmanuel, Joanna de Angelis, Andr Luiz.22) Emmanuel via Chico Xavier ? Editora FEB ? Sim. Portanto, fonte de grande confiabilidade.23) Pode citar uma obra de Emmanuel, via Chico Xavier editada pela FEB que fale sobre isto ? Sim. ” O Consola dor “.24) Poderia dar o local exato da referncia ? Questo 79 do ” O Consola dor ” 25) Como interpretar nosso parentesco com os animais ? Considerando que eles igualmente possuem, diante do tempo, um porvir de fecundas realizaes, atravs de inmeras experincias chegaro, um dia ao chamado reino hominal, como, por nossa vez, alcanaremos, no escoar, dos milnios, a situao da angelitude.26) Lembro, agora, que Lon Denis falou mesmo algo a respeito. como era mesmo a frase ? Sim, no Livro ” O problema do Ser, do Destino e da Dor” :,O esprito dor me no mineral, sonha no vegetal, agita-se no ani mal e desperta no homem,27) Realmente so citaes muito fortes e de autores importantes. No entanto gostaria que me apontasse onde nas obras da codificao h referncia clara sobre esta questo. Existe ? Sem dvida Geraldo, Podemos encontrar no Livro dos Espritos, na questo 540, na resposta, no penltimo paragrafo, o trecho:, assim na natureza, que tudo serve tudo se encadea desdo o tomo at o arc anjo que comeou por ser tomo.28) Sem querer ser inconveniente, mas posso ter sido um cachorro, gato, pombo-correio? Amigo Geraldo: No! No fomos nada disto.29) Por qu ? como sabe ? Pelo motivo de que gatos, ces, e pombos so espcies modernas, existentes h um tempo recente em relao aos bilhes de anos da histria da Terra. No existiam gatos e pombos h milhes de anos atrs. Descendemos de espcies primitivas que originaram a espcie humana. Mas, Darwin disse que o homem descendeu do macaco. Alto l !!! Darwin jamais disse isto. Quem disse foram os jornais da poca. No podemos ter descendido dos macacos pois so espcies modernas.30) Como foi ento ? Seguindo as orientaes de Andr Luiz em Evoluo em Dois Mundos, de Joanna de Angelis em ” Estudos Espritas” e outros autores, O homem descendeu de seeres bpedes primitivos que foram se transformando at surgir o Homo sapiens.31) Pode me detalhar melhor porqu no descendemos dos macacos ? Veja : Eu e meu primo somos contemporneo s. eu no posso descender de meu primo. Eu e meu primo descendemos de um mesmo av.Macacos e Homens so primos distantes, portanto, descendem de ancestrais distantes. No podem descender um do outro. Darwin esclarece muito bem isto. Andr Luiz e Joanna da angelis tambm.32) O Sr. tem livro, de sua autoria,a respeito disto ? Sim. Reencarnao e Evoluo das Espcies. editora Universalista.33) Meu caro doutor : Parabns pela objetividade e clareza. Que alvio saber que no fui um cachorro e voc um gato, Bem Geraldo, para brincar um pouco : Minha mulher ainda pensa que sou um gato. Um abrao, Dr. Ricardo Di Bernardi.34) O esquecimento das vidas passadas nos necessrio? Por qu ? necessrio para facilitar a superao de problemas Por exemplo: para facilitar a convivncia com adversrios nossos de vidas anteriores que renascem no mesmo lar.35) Ento, o passado apagado ? No totalmente. H situaes que as lembranas de vidas passadas podem ser trazidas ‘a tona do consciente com finalidade teraputica. (Terapia Regressiva de Vivncias Passadas).No entanto o esquecimento procura estabelecer o equilbrio psquico,36) Sob a tica da reencarnao qual o seu conceito de famlia ? A verdade ira famlia a famlia espiritual, constituda de esprito s afins que se compreendem e se auxiliam.37) Esta viso no nos eximir ia de responsabilidade junto a famlia convencional ? No. A maior responsabilidade, nos diz a doutrina esprita, junto aqueles quer encarnam e convivem sob o mesmo teto e possuem conosco laos consangneos. Assim nos orientam os esprito s superiores.38) Os esprito s reencarnam sempre com o mesmo sexo ? No. O esprito em essncia no tem sexo.Conforme a necessidade de sua misso, prova ou expiao pode reencarnar como homem ou mulher, sem que isto determine qualquer alterao na manifestao da sexualidade.39) Quer dizer que no por causa da reencarnao em sexo diferente que ocorre homosexualidade? A Homossexualidade decorre de dificuldades mais profundas onde o esprito j traz questes adaptativas ao sexo ligadas a situaes sofridas nesta vida ou em outras anteriores. No a simples mudana de sexo que ocasiona esta situao.40)O esprito reencarna com uma determi nada vocao ? As percepes e conhecimento s adquiridos e vivenciados anteriormente nos do tendncias inatas que podem ser chamadas de vocao.41) O esprito reencarnado est totalmente fixo ao corpo ? No. durante o sono ou em outras situaes como meditao, treinamento et. pode projetar-se ou desdobra-se para fora do corpo biolgico.42) Isto que voc citou, seria a tal da viagem astral ? Sim. H viagens pequenas. tours longos, com bom guia turstico ou com um pssimo guia turstico, sem guia turstico. etc. isto pode-se sair com proteo espiritual ou sem,43) Qual o esprito que reencarnou na Terra que foi o mais evoludo ? Provavelmente Jesus. Digo prova velmente por isto no ser um dogma,44) O que o Sr. acha que foi em vida passada ? Fui ainda menos evoludo menos tolerante, menos inteligente, menos amor oso. Melhorei um pouquinho. Quero dizer,. Com isto, que todos ns evolumos a cada existncia,45) H referncias bblicas favorveis a reencarnao ? Sim. Inmeras. Veja em Joo III versculos de 1 a 20 por exemplo ou M ateu s XVII de 10 a 14. Basta procurar as obras esprita s que h explicaes detalhadas.

O que é um carma de vida passada?

Nesse sentido, a palavra karma inclui os resultados acumulados de ações passadas, que são as formas de futuras atividades. ‘O que eu sou, nesse momento, é o efeito da soma total de todas as impressões da minha vida passada.

O que é uma ligação espiritual?

Autoconhecimento e a prática de atividades que tranquilizam a mente refletem na boa saúde do corpo e da alma. – Buscar sentido para a vida por meio do autoconhecimento e da conexão com Deus ou alguma outra entidade que você acredite é o que chamamos de espiritualidade.

É a tentativa dos homens de se conectar, por meio de energia, fé e crença com algo transcendente e maior que nós mesmos. A espiritualidade não está necessariamente ligada a uma prática religiosa. Ela pode ser uma jornada individual, em que cada pessoa atribui vivências e significados próprios para descrever essa ligação não tangível com um ser ou força superior.

É nessa conexão com o etéreo que, muitas vezes, as pessoas encontram resiliência para compreender momentos desafiadores da vida. Desenvolver ou mesmo descobrir a espiritualidade pode ser mais fácil do que você imagina. Afinal, apenas o fato de tomar consciência de que é necessário investir energia e tempo nisso já é um grande avanço.

  • A primeira conexão com a espiritualidade vem do processo de autoconhecimento, de olhar para dentro, reconhecendo nossas potencialidades, fraquezas, nosso lado luz e sombra.
  • E para te ajudar na sua conexão com a espiritualidade, aí vão algumas dicas: Autocuidado Parece óbvio, mas não é.
  • Na correria do dia a dia as pessoas se esquecem de olhar para elas mesmas.

Reserve um tempo para você. Faça uma meditação, essa prática ajuda a acalmar a mente, traz paz interior e reduz a ansiedade. Quando não estamos em paz, é difícil nos conectar com o que é transcendente/espiritual. Perdão Somos seres holísticos – nosso corpo, mente e espírito estão conectados.

Feridas na alma, quando não resolvidas, se refletem em doenças no corpo. E o perdão talvez seja uma das mais poderosas ferramentas de transformação no processo de espiritualidade e autoconhecimento. Perdoar a si mesmo é necessário para reduzir a carga e as cobranças internas. E perdoe o outro, é um gesto altruísta que nos aproxima da essência do que é o amor e nos conecta com nossa espiritualidade.

Respeito Tenha respeito por você e pelos outros. Aquela máxima de que não faça com as pessoas o que você não gostaria que fizessem com você é o maior exemplo de respeito por si mesmo e pelas pessoas. É um exercício de empatia se colocar no lugar de outra pessoa.

Otimismo Pensar de forma positiva transforma nosso cérebro, nos ajuda a ver sempre o lado bom das situações, por mais difíceis que elas pareçam. Otimismo e um belo sorriso no rosto são as melhores armas para enfrentar um dia ou uma fase ruim. Quando somos otimistas emanamos, mesmo que de forma inconsciente, energia positiva para as pessoas e expandimos nosso olhar para o mundo.

Serenidade Muitas vezes sofremos por situações que não podemos mudar e isso gera ansiedade e estresse. Acalmar nossa mente e coração é necessário para uma verdadeira ligação com a espiritualidade. A meditação pode trazer essa calma, mas ela também pode vir por meio de uma boa música, leitura, uma prece, uma caminhada na natureza, brincadeira com uma criança, a companhia do seu amor e tantas outras formas.